PM prende suspeitos de matar empresário em Mogi

Policiais militares do 17.º Batalhão da Polícia Militar detiveram na noite de ontem três homens acusados de matar José Benedito Bília, de 54 anos, durante tentativa de assalto ontem à tarde no município de Mogi das Cruzes, região leste da grande São Paulo.Bília era membro de uma família muito conhecida na cidade, dona de franquias da rede de fast food Habib´s e proprietária de revendedoras de veículos e carrocerias Mercedes - a Caric e a Urbano MogiCar. O crime ocorreu às 16h30, na Estrada das Varinhas, altura do km 52, no distrito de Jundiapeba, bairro autônomo de Mogi das Cruzes. Segundo a história relatada por Núbia Conceição dos Santos, 36, moradora de um Conjunto do Cingapura de Jundiapeba e que estava ao lado do empresário, ambos em um Gol verde, placas BJB 6435, de Mogi das Cruzes, três homens se aproximaram do veículo e mandaram Benedito descer do carro.Houve uma discussão seguida de luta corporal entre o empresário e os bandidos, um deles armado com uma marreta e com a qual matou a vítima, ferida principalmente no rosto. Cartões de crédito, celular, bolsas, dinheiro e outros objetos foram levados de Benedito e Núbia. A mulher, que também ficou machucada, conseguiu fugir e pedir ajuda a moradores do bairro, que acionaram a polícia.PrisãoO relato de Núbia feito à polícia era de que os bandidos também saíram feridos, um deles no pescoço e boca. Todos os hospitais de Mogi já estavam sob alerta e avisariam a polícia assim que algum suspeito, com as mesma características, desse entrada nos prontos-socorros. Duas horas depois, três homens chegaram ao pronto-socorro da Santa Casa, localizada no centro do município.Policiais militares foram acionados e detiveram o trio. A morte de Bília foi registrada no 1.º Distrito Policial de Mogi e ainda não há como descartar por completo o envolvimento de Núbia no crime em razão dos depoimentos confusos. Os três detidos estão sendo ouvidos no 1.º Distrito Policial de Mogi das Cruzes pelo delegado Gustavo Humberto Bezerra da Cunha.Segundo a Polícia Militar, os objetos roubados do empresário e possivelmente de Núbia já teriam sido localizados na casa de um dos detidos, cujos nomes ainda não foram divulgados. A delegacia não confirmou a informação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.