PM troca tiros com traficantes no Complexo do Alemão, zona norte do Rio

Oficiais das UPPs dos morros vizinhos foram acionados para reforçar o patrulhamento no local

AE, Agência Estado

26 Março 2013 | 16h38

O policiamento foi reforçado nesta terça-feira no Complexo do Alemão, conjunto de favelas na zona norte do Rio de Janeiro pacificado desde novembro de 2011. Por volta das 22 horas de segunda-feira (25), traficantes trocaram tiros com policiais militares da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) na Favela Pedra do Sapo. Não houve feridos nem presos.

Policiais das UPPs dos morros vizinhos e do 16º Batalhão (Olaria) tiveram que ser acionados para reforçar o patrulhamento no local. "Ainda não identificamos o alvo desses disparos, porém a base da UPP não foi atingida. A Polícia Militar por meio dos seus canais de inteligência já está verificando se esse episódio tem ligação com a prisão de dois criminosos na madrugada do último domingo, com uma grande quantidade de drogas", disse o capitão Joel Costa Filho, comandante da UPP Alemão.

Na Rocinha, outra favela que possui UPP, PMs apreenderam, na noite de segunda, três fuzis calibre 7.62, duas granadas, uma pistola calibre 9 mm e munição de diversos calibres. O armamento estava escondido na tubulação de esgoto na localidade conhecida como Vila Verde, e foi encontrado após a UPP receber denúncias anônimas. Perto dali, um homem de 19 anos e quatro menores foram detidos com maconha e cocaína.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.