PMDB pró-Dilma faz as contas

BRASIL1

, O Estado de S.Paulo

03 de junho de 2010 | 00h00

Confiantes de que o PT mineiro será enquadrado pela direção nacional e que o apoio ao ex-ministro Hélio Costa (PMDB) para o governo será anunciado na segunda-feira, peemedebistas pró-Dilma Rousseff calculam que aprovarão a aliança formal com o PT com 600 dos 800 votos da convenção nacional, marcada para o dia 12. Já o ex-governador do Paraná Roberto Requião anunciou que lançará seu nome como candidato do partido à Presidência da República, para apreciação dos convencionais.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.