PMDB suspende filiação de prefeito de Salvador

A comissão de ética do PMDB da Bahia decidiu suspender por 90 dias a filiação do prefeito de Salvador, João Henrique Carneiro. Filiados ligados ao grupo do ex-ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, pediram seu afastamento "por não considerar possível administrar Salvador sem o apoio da administração estadual". O petista Jaques Wagner foi reeleito para o governo do Estado em 1º turno.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.