PMs são presos acusados de proteger traficantes no Rio

Dois policiais militares, o tenente Anderson Silva dos Santos e o sargento Celso Cardoso Pacheco foram presos ontem à noite sob acusação de proteger traficantes de drogas da quadrilha de LuizFernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar. Segundo o secretário de Segurança Pública, Anthony Garotinho, os dois PMs, que trabalham no grupo especial de polícia do complexo de presídios de Bangu, na zonaoeste, participavam de bondes (comboios de traficantes), dando cobertura aos criminosos, que distribuiam drogas em favelas. A denúncia chegou através de uma fita de vídeo em que o tenente aparece conversando com um traficante, identificado como Beto, apontado como distribuidor da droga de Beira-Mar. Durante a conversa, eles mencionam o nome do sargento. Ainda de acordo com Garotinho, mais policiais devem estar envolvidos no esquema. ?O tráfico só vai ser vencido se nós tirarmos a parte da polícia que está com os traficantes. Tem que separar bandido de policial. Não pode ter jogo duplo.? Ele informou que os dois PMs serão expulsos da corporação.Veja o especial:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.