PMs soltos há 5 dias no Rio voltam à prisão

Após comemorarem com fogos de artifício, na terça-feira, sua libertação da cadeia - atitude criticada pelo governador Sérgio Cabral e pelo OAB -, 43 dos 73 policiais militares do Rio presos por suspeita de envolvimento com o tráfico começam a voltar à prisão. Até as 20 horas de ontem, 12 já haviam sido detidos novamente. Os PMs fazem parte do 15.º Batalhão, de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, e haviam sido presos em setembro. Na semana passada, a 4.ª Vara Criminal de Caxias rejeitou denúncia do Ministério Público de que os PMs tinham ligação com o tráfico e ordenou que eles fossem soltos. Uma nova denúncia do MP, porém, foi aceita na sexta-feira, o que determinou outra vez a prisão preventiva dos PMs.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.