AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Polícia apreende 6 mil fraldas roubadas

Policiais rodoviários do 1.º Batalhão da Polícia Militar do Estado de São Paulo prenderam, no final da noite de ontem, dez pessoas, todas acusadas de receptar carga de 6 mil fraldas roubadas, pertencentes à empresa Cooperativa de Consumo, em Santo André, município do grande ABC Paulista.Por volta das 22h, após pararem um caminhão Mercedes Benz baú, na altura do km 38 da Estrada Velha de Santos (SP-148), os policiais detiveram o motorista José Firmino Diaz, que não portava documentos, e seu ajudante, Ismail Rosa, 31. Um Voyage marrom, ocupado por quatro pessoas e que acompanhava o caminhão, também foi parado pelos policiais.Dentro do veículo estavam Wágner Vasconcelos, 26, Willian José Suarez, 24, Arnaldo de Jesus Batista da Silva, 23, e Edgar Nogueira de Campos, 30, com os quais a polícia apreendeu quatro fraldas. Após serem interrogados pelos policiais, os bandidos confessaram que iriam se encontrar com outras duas pessoas que estavam em uma Fiorino branca, no quilômetro 33 da mesma rodovia.Alguns minutos depois, José Carlos Alves, 35, e Rubens Eduardo Ainette, 36, os ocupantes do veículo indicado pelos comparsas, já estavam detidos pelos mesmos policiais; e, por sua vez, indicaram uma casa na Estrada do Morro da Macumba, na mesma região, onde estariam toda a carga de fraldas roubadas e um casal.Na residência, foram detidos o caseiro José Francisco Moura da Silva, 26, e a dona da casa, Angelina de Niro Rodrigues, 43. As 6 mil fraldas roubadas foram recuperadas pela polícia, que encaminhou os dez bandidos ao 3.º Distrito Policial, de São Bernardo do Campo, onde todos foram indiciados por formação de quadrilha e receptação, pelo delegado Evandro Lopes Salgado.

Agencia Estado,

06 de junho de 2001 | 05h44

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.