Polícia apreende 60 mil litros de gasolina adulterada

Por meio de uma denúncia anônima, policiais rodoviários do 2º Batalhão do Interior, agentes da Polícia Federal de Sorocaba e integrantes da CPI dos Combustíveis e do Grupo de Atuação Especial e Repressão ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público de São Paulo, detiveram quatro pessoas e apreenderam cerca de 60 mil litros de gasolina adulterada na cidade de Itu, interior do Estado de São Paulo. O combustível foi encontrado em duas carretas Volvo, placas CXA 2702-SP e CXA 2672-SP, em um posto de gasolina localizado na altura do km 82 da pista capital-interior da Rodovia Castelo Branco. Apesar do flagrante ter ocorrido às 12h30 de ontem, a ocorrência ainda não foi encerrada na Delegacia de Tatuí, cidade vizinha a de Itu, para onde os dois motoristas, o ajudante e o dono da carga foram levados e prestaram depoimento. Com os detidos, cujos nomes ainda não foram liberados pela polícia, havia notas fiscais do combustível.

Agencia Estado,

09 de maio de 2002 | 07h46

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.