Polícia apreende drogas e armas na favela Pantanal

A Polícia Civil está fazendo nesta manhã a maior operação de apreensão da história da corporação na favela do Jardim Pantanal, em Diadema, no ABC paulista. Participam da operação 1,2 mil homens e quatrocentas viaturas. Já foram apreendidos armas, drogas e veículos. Nesta favela está o imóvel usado como cativeiro pelos seqüestradores do prefeito de Santo André, Celso Daniel.O delegado-geral da Polícia Civil, Marco Antônio Desgualdo, acompanha a operação e disse estar satisfeito com o trabalho que começou às 4 horas quando toda a favela foi cercada. A operação deve terminar somente no período da tarde.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.