Polícia apreende óleo lubrificante em fábrica clandestina no Rio

Duas pessoas apontadas como as responsáveis pela empresa foram presas

estadão.com.br,

08 de dezembro de 2011 | 13h58

SÃO PAULO - Cerca de 200 mil litros de óleo lubrificante foram apreendidos, nesta quinta-feira, 8, em uma fábrica clandestina situada no km 309 da Rodovia Dutra, no município de Resende, no Rio de Janeiro.

Duas pessoas responsáveis pela empresa foram presas e serão encaminhadas para Delegacia de Defesa dos Serviços (DDSD). Funcionários da Agência Nacional de Petróleo (ANP) participam da operação.

Segundo a Polícia Civil, o óleo era furtado de caminhões e, em seguida, vendido para comerciantes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.