Divulgação
Divulgação

Polícia apreende osso humano em correspondência no RS

Suspeita-se de que a parte do fêmur encontrado numa caixa de isopor seja humana

Priscila Trindade, estadão.com.br

12 Setembro 2011 | 20h10

SÃO PAULO - A Polícia Civil apreendeu a parte superior de um osso fêmur humano que havia sido postado nos correios de Estação, no Rio Grande do Sul, na tarde desta segunda-feira, 12. A encomenda foi encontrada em uma caixa de isopor.

A polícia de Passo Fundo foi acionada para comparecer no Centro de Tratamento de Encomendas da Agencia dos Correios, na Vila Petrópolis, para checar uma caixa de isopor suspeita.

A encomenda foi avaliada na maquina de raio x e ficou constatado que no seu interior havia a parte superior do osso fêmur provavelmente humana. O osso estava com cartilagens, músculos, nervos e cabeça femoral, tudo em avançado estado de decomposição e foi postado nos Correios de Estação no dia 31 de agosto deste ano. A encomenda seria entregue em Clevelândia, no Paraná.

O osso foi apreendido e será levado ao Instituto Médico Legal de Passo Fundo para detalhamento e coleta de material para DNA. Acredita-se que o osso tenha sido retirado de algum cemitério da região norte do Rio Grande do Sul.

A polícia investiga a origem do osso, além do remetente e do destinatário do material.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.