Polícia apreende quatro carros dublês em Piedade

Policiais civis de Piedade, a 98 quilômetros de São Paulo, apreenderam hoje quatro carros dublês que circulavam pelas ruas da cidade. Quatro pessoas foram detidas e três ficaram presas. Dois dos veículos tinham sido roubados em Osasco, na Grande São Paulo, e os outros foram furtados na Capital e na cidade de Salto, região de Sorocaba. Os automóveis circulavam com duplicatas de placas de veículos "quentes", sobre os quais não havia queixa de furto ou roubo. Os documentos tinham sido adulterados. "O esquema era bem feito e a fraude só seria percebida através do exame da numeração do chassis", disse o delegado José Chaves de Mello. A polícia chegou aos veículos dublês em razão de uma denúncia anônima. Foram presos Gilberto Vieira, de 28 anos, que estava com uma picape Courier, Tatiane Cristina da Silva, de 24, que dirigia um Palio e Harlley Américo Pinto, de 30 anos, apanhado com um Gol. Eles foram autuados em flagrante por receptação e falsificação de documentos. Outro veículo, um Palio, estava com Anderson Antunes Gomes, de 24 anos. Ele foi preso e liberado sob a alegação de boa fé, mas vai responder a inquérito. Os carros apreendidos serão submetidos a perícia e colocados à disposição dos proprietários.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.