Polícia apura culpa do DER por morte em obra

A polícia de Tremembé (SP) abriu inquérito para a apurar responsabilidades do Departamento Estadual de Rodagem (DER) na morte do pedreiro José Cardoso, de 43 anos. No domingo, ele caiu em um buraco de 5 metros de profundidade na Rodovia Floriano Pinheiro, que está em obras. O delegado Renato Salerno disse que foram constatadas falhas na sinalização. O DER e a empresa Fortnort poderão responder por homicídio culposo. O DER informou que no local há sinalização.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.