Policia captura 33 dos 45 fugitivos da Febem de Vila Maria

A Polícia Militar capturou 33 dos 45 internos que conseguiram escapar da Fundação Estadual do Bem-Estar do Menor da Vila Maria, na zona norte da capital paulista, por volta do meio-dia deste sábado, segundo informações da Rádio CBN. Após a fuga, os adolescentes iniciaram uma rebelião que foi controlada por volta das 14 horas com a entrada no local da Tropa de Choque da PM. Durante a confusão, pelo menos quatro pessoas ficaram feridas. De acordo com a Rádio CBN, os jovens escaparam pela porta da frente. Portando uma arma de fogo, os infratores obrigaram os funcionários da Febem a abrir os portões. A arma teria sido jogada por cima do muro por parentes dos internos. As informações são do diretor do sindicato dos trabalhadores na fundação Eduardo Martins. Segundo Martins, pelo menos três parentes dos jovens que teriam auxiliado na fuga foram presos pela polícia. Os jovens ainda roubaram uma Van para conseguir fugir com mais rapidez. Durante a confusão dois vigilantes, funcionários terceirizados, ficaram feridos, de acordo com Martins. Um deles levou coronhadas na cabeça e o outro foi obrigado a pular uma muralha, por causa dos tiros disparados pelos jovens, sofrendo várias fraturas com a queda.Outros dois internos ficaram feridos por disparos de balas de borrada, efetuados pela Polícia Militar, para tentar evitar a fuga de maior número de jovens. De acordo com Martins, a unidade da Vila Maria, que abriga infratores de crimes graves, está superlotada. Tem capacidade para 110 internos, mas abrigava antes da fuga 160 pessoas. Ele disse que muitos jovens que lá estão já são maiores de idade, reincidentes de alta periculosidade. Recentemente, segundo Martins, 20 internos de Franco da Rocha foram transferidos para o local. As informações são da Rádio CBN e do Globo Online.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.