Polícia Militar Santa Catarina/Reprodução Facebook
Polícia Militar Santa Catarina/Reprodução Facebook

Polícia de SC faz sorteio para passeio em carros apreendidos

Em redes sociais, PM do Estado está sorteando passeios em Porsche, Camaro ou Mercedes apreendidos e que agora compõe a frota da corporação

Fabio Bispo, especial para, O Estado de S.Paulo

16 de dezembro de 2019 | 15h05

FLORIANÓPOLIS - A Polícia Militar de Santa Catarina lançou uma campanha inusitada neste fim de ano. Para aproximar a polícia dos catarinenses, a corporação está sorteando em suas redes sociais um passeio em carros de luxo apreendidos em operações e que agora fazem parte da sua frota. O perfil sorteado poderá escolher entre a Mercedes-Benz C63S, que está com a Polícia Militar Rodoviária, o Porsche Cayenne ou o Camaro, ambos do 12º Batalhão, de Balneário Camboriú.

Para participar da promoção os interessados precisam seguir o perfil da PMSC e marcar amigos nas publicações. Segundo o comandante-geral da PM de Santa Catarina, coronel Araújo Gomes, os veículos não são usados no patrulhamento do dia a dia, pois o custo de manutenção e operação seria inviável. Os veículos atualmente se destinam a atividades educativas, de representação institucional e de promoção da corporação.

“A atual campanha tem alguns objetivos: aproximar a população da corporação utilizando a curiosidade normal das pessoas em relação a este tipo de veículo, disseminar a mensagem de que o crime não compensa e o que era do criminoso hoje está a serviço da população, aumentar o engajamento em nossas redes sociais, onde interagimos com a população e divulgamos ações e orientações”, afirmou Gomes.

Os três veículos que foram apreendidos passaram a incorporar a frota da PM após decisões judiciais. A customização dos carros foram feitas com apoio da iniciativa privada e incluiu pintura, luminosos e equipamentos sonoros além de outros detalhes de adaptação.

Em 2018, a PMSC conseguiu a primeira autorização no País para incorporar carros de luxo a sua frota. O Camaro amarelo havia sido apreendido em 2013, em Camboriú, com uma quadrilha de traficantes. Em setembro deste ano, os outros dois veículos, apreendidos em Balneário Camboriú, também foram requisitados e passaram a fazer parte da frota de luxo da PM. O Mercedes e o Porsche pertenciam a um traficante de Goiás que vivia no litoral de Santa Catarina. Ele foi preso em 2018, quando dirigia o Porsche em Balneário Camboriú.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.