Polícia de Sertãozinho investiga 2 mortes

A polícia de Sertãozinho, na região de Ribeirão Preto, continuará, durante a semana, as investigações de duas mortes ocorridas na noite de sábado, no Jardim Paraíso. A suspeita inicial é de que houve um homicídio seguido de suicídio, pois uma testemunha teria presenciado o fato. Porém, será investigada a hipótese de duplo homicídio, já que a arma do crime não foi encontrada. A primeira informação é de que Genátio Teixeira dos Santos, de 35 anos, discutiu com a amante Maria Lucimar Alves Cardoso, de 23. Ele teria disparado três tiros contra ela e, depois, atirado contra a própria cabeça. A PM acredita nessa versão e que a arma teria sido furtada, pois o bairro é de alta periculosidade, mas a Polícia Civil fará a investigação. As duas vítimas eram casadas com outras pessoas e mantinham um relacionamento extraconjugal.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.