Polícia desbarata quadrilha no Espírito Santo

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) do Espírito Santo desbaratou nesta terça-feira, 22, durante a operação Rio Doce, uma quadrilha acusada de estelionato, falsificação de documentos, posse ilegal de armas, formação de quadrilha e tráfico de drogas. Nove pessoas foram presas, suspeitas de vender carteiras de motoristas e documentos falsos, aplicar golpes em financeiras e falsificar dinheiro em Vitória e em Linhares.A operação, que começou às 6 horas, mobilizou 60 agentes em sete pontos diferentes do Estado. A PRF apreendeu oito carros, um revólver, computadores, cerca de R$ 7.500 em dinheiro falso, carteiras de identidade, de motorista e de trabalho, passaportes falsos e vários carimbos.Marcos Egydio Costa, o Marquinho Piloto, foi um dos detidos. Acusado de ter participado do assassinato da colunista social Maria Nilce, ele estava foragido desde 2003, com mandados de prisão expedidos no Espírito Santo, na Bahia e em Minas Gerais por tráfico de drogas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.