Polícia descobre chacina em casa de Belo Horizonte

Quatro pessoas, entre elas uma criança, foram assassinadas a golpes de marreta em uma casa no bairro Vera Cruz, região leste da capital mineira. A polícia militar recebeu uma denúncia anônima e, ao entrar na residência, encontrou os corpos de três adultos. Os policiais acharam também uma menina de três anos, que estava inconsciente, mas com vida. Ela foi levada para o Hospital de Pronto Socorro João XXIII, mas morreu pouco depois. A menina - identificada apenas como Monique - seria filha do pedreiro Francisco de Assis Reis, de 49 anos, e de Mônica Alves, de 22 anos. A criança, o casal e outra mulher, que até o início da noite não havia sido identificada, foram mortos a golpes de marreta. Os corpos estavam em cômodos diferentes da casa. A PM acredita que os crimes tenham ocorrido no domingo. De acordo com a perícia, o assassino teria ligado o aparelho de som em um volume bastante alto para não chamar a atenção dos vizinhos. A polícia vai investigar o que teria motivado os crimes. Nenhum suspeito foi detido.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.