Polícia descobre túnel em presídio do Rio

Uma escavação medindo dois metros de profundidade e 50 centímetros de largura foi descoberta ontem no presídio Milton DiasMoreira, no Complexo da Frei Caneca, na zona norte do Rio. Os presos cavaram o buraco no refeitório da unidade que sairia no campo de futebol, por onde eles tentariam escapar.O buraco estava camuflado com um tampão de concreto. De acordo com o Departamento do Sistema Penitenciário (Desipe), a escavação estava alagada, o que significa que os detentos podem ter rompido uma tubulação do presídio. O Milton Dias Moreira abriga 1.021 internos, divididos em seis galerias, que ficam em dois pavilhões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.