Polícia desmonta quadrilha de Claudair Farias

Policiais do Departamento de Narcóticos (Denarc) da Polícia Civil de São Paulo prenderam hoje membros da quadrilha de Claudair Farias, traficante paulista ligado a Luís Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar. Apesar de estar preso desde junho, Claudair continuava comandando o tráfico dando ordens a seu braço direito, Edson de Moraes Pedroso. Outros dois homens foram detidos e identificados como químicos responsáveis pelo processamento da droga. As prisões foram realizadas em cidades do interior e da Grande São Paulo.Em setembro de 2002, a polícia prendeu João Baptista de Faria, irmão de Claudair, e apreendeu 420 quilos de cocaína em Itu. Em junho, o traficante foi preso no Paraguai. Foragido desde 1995, ele é acusado de vender no Brasil até uma tonelade da droga por mês, comprada das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia. Claudair e Beira-Mar negociavam a droga com a guerrilha em troca de armamento.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.