Polícia divulga retratos falados de seqüestradores de profissionais da Globo

A polícia de São Paulo divulgou os retratos falados dos três suspeitos de terem seqüestrado dois profissionais da TV Globo, na manhã deste sábado.O repórter da TV Globo Guilherme Portanova e o auxiliar técnico Alexandre Coelho Calado foram seqüestrados por volta das 8 horas deste sábado, em frente a uma padaria, na Avenida Luís Carlos Berrini, na capital paulista.Os dois haviam chegado para trabalhar e pararam para tomar café antes de seguirem para uma pauta. Pela proximidade com a emissora, o local é muito freqüentado pelas equipes de reportagem, formadas por repórter, cinegrafista e assistente. Outra equipe tinha deixado a padaria pouco antes.O repórter e o auxiliar ainda não foram localizados, segundo comunicado divulgado pela emissora.A família de Portanova, que vive em Porto Alegre, foi informada do seqüestro por volta do meio-dia e embarcaria à tarde para São Paulo, a fim de acompanhar as investigações.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.