Polícia do Rio investiga se empresário morreu envenenado

Elias do Nascimento, de 60 anos, foi encontrado ao lado da mulher, que está internada em estado grave

Fabiana Marchezi, do estadão.com.br

20 de maio de 2010 | 11h26

A Polícia Civil do Rio de Janeiro investiga a causa da morte do empresário Elias do Nascimento, de 60 anos. A principal suspeita é de que ele tenha sido envenenado.

 

Segundo a polícia, Nascimento foi encontrado morto, na última sexta-feira, 14, em seu apartamento, no Leblon, zona sul da cidade. A mulher dele, Carla Milena Ezequiel de Araújo, de 40 anos, foi achada, agonizando, ao lado do corpo do marido. Ela está internada em estado grave no Hospital Doutor Badin, na Tijuca, respirando com a ajuda de aparelhos.

 

Na mesa de cabeceira do casal, havia um prato com parte de um abacaxi descascado, uma faca e um copo contendo um líquido branco parecido com leite.

 

O laudo cadavérico seria entregue na terça-feira à 14ª Delegacia de Polícia, que investiga o caso, mas voltou ao Instituto Médico-Legal (IML), com pedido de exame complementar.

Tudo o que sabemos sobre:
Rioenvenenamentoempresário

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.