Polícia encontra mãe que abandonou bebê em Jacareí

A polícia civil localizou na tarde desta quinta-feira, 22, a mãe que abandonou seu filho recém-nascido na última quarta-feira, em Jacareí, no Vale do Paraíba. Pámela Martins Pereira, de 20 anos, foi indiciada por abandono de incapaz e pode pegar até três anos de prisão. Arrependida, ela contou à polícia que foi induzida pelo padrasto Marcos Paulo Gomes a abandonar a criança e depois simular que havia achado o bebê em um saco plástico.A criança foi encontrada dentro de uma sacola plástica de supermercado, jogada em um matagal, no Jardim Paraíso, na periferia da cidade. Marcos Paulo Gomes, padrasto de Pámela, informou à polícia que saiu de casa para comprar pão por volta do meio-dia, quando ouviu um choro da criança. Na verdade, a criança era da própria enteada e os dois haviam planejados juntos o abandono.Simulando o encontro, Gomes levou o bebê pra casa o enrolou em uma toalha e ligou para a Polícia Militar. Os policiais encaminharam o bebê, que havia nascido há cerca de duas horas, à Santa Casa de Jacareí. O menino, de 2,2 quilos e 43 centímetros, passou por uma série de exames clínicos e ficou internado no hospital até a manhã desta quarta. Lá mesmo recebeu o nome de Vitor Hugo e em seguida foi encaminhado para uma instituição de assistência ao menor abandonado.A Polícia Civil percorreu os postos públicos de saúde para saber quem eram as gestantes que tinham passado por exames e que estariam prestes a parir. "Depois começamos a desconfiar e a mulher acabou se confessando", contou o delegado Talis Prado Pinto. Gomes pode responder pelo mesmo crime de abandono de incapaz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.