Polícia está preparada para enfrentar traficantes, diz Cabral

O governador do Rio, Sérgio Cabral Filho (PMDB), disse neste domingo, 8, que a polícia fluminense está preparada para enfrentar traficantes como os do Complexo do Alemão, na zona norte do Rio, que resistem há dois meses ao cerco policial. Segundo o governador, a divulgação de um manual de guerrilha apreendido por policiais civis no esconderijo dos líderes do Comando Vermelho no Alemão só reforça o trabalho da polícia no local. "Nossa polícia está cada vez mais treinada e preparada, sobretudo as tropas de elite, para enfrentar situações como esta. Nada nos intimida, vamos continuar trabalhando na mesma direção", afirmou Cabral. O manual traz desenhos com táticas para deter o avanço dos carros blindados da polícia dentro da favela com a utilização de granadas e até o ataque a helicópteros com armas antiaéreas. O chefe da quadrilha, Antônio José Ferreira, o Tota, chegou a ser cercado por policiais da Delegacia de Repressão a Armas e Explosivos (Drae). A estratégia para escapar do cerco também consta do manual. Segundo as investigações da Drae, a estratégia seguida pelos traficantes foi formulada por ex-militares. "Eu prefiro o manual da polícia. Vamos vencer essa guerra", disse Cabral. O governador afirmou que a polícia manterá o enfrentamento armado do tráfico de drogas, especialmente no Complexo do Alemão. "Continua a mesma estratégia: combate, combate, combate", repetiu. Segundo o governador, a cidade terá segurança durante o Pan. "Estamos combatendo a criminalidade, fazendo nosso dever de casa. Tudo o que o visitante quer é ver que a polícia está combatendo a criminalidade, que a impunidade acabou", disse.

Alexandre Rodrigues

08 Julho 2007 | 18h30

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.