Polícia estoura central telefônica clandestina

Policiais militares da 4ª Companhia do 4º Batalhão, após uma denúncia anônima, chegaram, por volta da 0h30 desta terça-feira, até uma residência na Rua Alexios Jafet, nº 2.051, no Jardim Ipanema, região de Perus, zona Norte da capital paulista. No local, foi detida Lea Fernanda Amaral Rubim, de 29 anos. A mulher, que mora na casa, mantinha no imóvel uma central telefônica clnadestina.Vários aparelhos telefônicos foram apreendidos na casa, todos em operação; além de contas telefônicas com valores superiores a R$ 1 mil. Muitas da ligações que constavam nas contas eram feitas para cidades da região de Presidente Prudente; uma delas Pacaembu, onde existe um presídio. O uso dessa central telefônica por parte de membros do PCC - Primeiro Comando da Capital - não foi confirmado nem descartado. A mulher detida não foi indiciada e será liberada. A suspeita negou que operasse a central telefônica, mas foi registrado no 46º Distrito Policial um boletim de ocorrência de averiguação de formação de quadrilha e violação de telecomunicação.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.