Polícia "estoura" clínica clandestina de aborto

Policiais da 2ª Delegacia Seccional, na zona Sul, "estouraram", na noite desta quinta-feira, uma clínica clandestina de aborto, que funcionava na Rua Eça de Queiroz, na Vila Mariana. Segundo as primeiras informações, foram encontrados fetos no local e dois supostos médicos foram presos. Ainda não foi apurado se os dois detidos possuem CRM e em que condições eram realizados os abortos na clínica.

Agencia Estado,

21 de maio de 2004 | 01h23

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.