Polícia estoura ponto de tráfico de drogas em SP

Um grande aparato de vigilância emonitoramento, semelhante aos montados em morros cariocas pelasquadrilhas de traficantes para prevenir-se da chegada a polícia,foi encontrado, no início da madrugada desta sexta-feira, numafavela no município de Mauá, na região do ABC paulista. No local, juntamente com outro traficante, foi preso um homem que seidentificou como ex-policial militar. Os policiais da Força Tática do 30.º BPMM estavam empatrulhamento de rotina, na favela Santa Rosa, na divisa de Mauácom Ribeirão Pires, quando avistaram um homem correndo. Aopersegui-lo, descobriram que a quadrilha era informada sobre aação policial através de rádios-comunicadores. Num barraco, além dos rádios, foram encontrados 3.500pedras de crack, 2.000 papelotes de cocaína, R$ 1.600, doisrevólveres de calibre 38 com a numeração raspada, uma pistola380, duas metralhadoras 9 mm, com três carregadores, e mais doiscarregadores de pistola ponto 40 e munição de diversoscalibres. Ao ser detido no local, sem resistência, Sandro Luís deSouza, de 33 anos, revelou que é ex-PM e admitiu estar envolvidocom a quadrilha de trafico de entorpecentes naquela favela. Comele, no barraco, foi preso também Ednilson Geraldo da Silva, de28 anos. Ambos foram autuados em flagrante no 1.º DP de Mauá.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.