Polícia faz apreensão de CDs piratas em Santos

A polícia apreendeu 12 mil CDs piratas na região central de Santos, no litoral sul de São Paulo. O material estava sendo comercializado por vendedores ambulantes. Participaram da operação técnicos da associação que cuida dos direitos autorais dos músicos e agentes do Setor de Investigações Gerais de Santos. A polícia informou que essa foi a maior apreensão de CDs falsificados este ano em toda a região.A estimativa é de que o prejuízo das gravadoras brasileiras chega a quase US$ 300 milhões anualmente por causa dos CDs piratas. Todos os produtos apreendidos ficarão à disposição da Justiça em São Paulo. Segundo informações da Rede Globo, os camelôs que estavam vendendo os CDs vão responder a processo por violação de direitos autorais e estão sujeitos à pena de um a quatro anos de prisão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.