Polícia Federal apreende pasta-base de cocaína no ES

Policiais da Delegacia da Polícia Federal em São Mateus, no Espírito Santo, apreenderam aproximadamente 720 gramas de pasta-base de cocaína na cidade de Linhares, no Estado do Espírito Santo. A apreensão aconteceu na terça-feira em operação conjunta com agentes da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) da Superintendência Regional da PF no Espírito Santo.Depois de dois meses de investigação, a operação policial foi deflagrada na tarde de terça, no centro de Linhares. O flagrante resultou nas prisões de A.C.S., 20 anos, natural de Linhares, auxiliar de serviços gerais, e da estudante A.A.B.J, de 25 anos, natural de Vitória.O auxiliar de serviços aguardou a estudante na rodoviária da cidade e a transportou até uma residência local, onde apanhou uma sacola com 585 gramas de pasta-base para ser vendida à estudante. A estudante A.A.B.J confessou à PF que havia sido contratada para realizar o transporte da droga de Linhares para Vitória e que também já havia sido presa anteriormente por tráfico.Depois de efetuarem as duas prisões, os policiais retornaram à casa e encontraram mais 135 gramas de pasta-base de cocaína. Os policiais acharam também uma caderneta em poder de W.S., 22 anos, cujo conteúdo informava vários números de telefone de presidiários em Linhares.As investigações iniciais da PF apontam que W.S., já havia cumprido pena por tráfico de entorpecentes, e que ele trabalhava para estes presidiários para distribuir substâncias entorpecentes na região.Os três presos foram conduzidos à sede da Delegacia da PF em São Mateus, onde foram autuados como incursos nas penas dos artigos 33 e 35 da Lei 11.343/06 (tráfico ilícito de entorpecentes e associação para o tráfico). Após serem ouvidos pelo Delegado Federal, foram encaminhados para a cadeia pública de São Mateus (ES), onde se encontram à disposição da Justiça.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.