Polícia Federal destrói 65 mil pés de maconha no interior da Bahia

Operação, que começou há cinco dias, localizou plantações em Juazeiro, Curaçá e Paulo Afonso

Tiago Décimo - de O Estado de S. Paulo ,

12 de maio de 2011 | 16h31

SALVADOR - A Polícia Federal (PF) na Bahia afirmou nesta quinta-feira, 12, ter destruído 65 mil pés de maconha nos últimos cinco dias no norte do Estado. A ação é parte da operação Coroa II, realizada nos municípios de Juazeiro, Curaçá e Paulo Afonso.

Durante a operação a PF encontrou também 311 quilos de maconha prensada, pronta para venda. Segundo a PF, não foram localizados os responsáveis pelas drogas ou pelas plantações, a maioria camuflada em milharais.

A operação, que continua nos próximos dias, tem a participação de 60 policiais e passará por outros municípios da região. Para localizar as plantações de droga, a PF conta com dois helicópteros. Além disso, 14 carros, uma ambulância e um ônibus, que funciona com base, são usados na ação.

Tudo o que sabemos sobre:
maconhadrogasBahia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.