Polícia Federal fecha três bingos em Marília e região

Dois bingos foram fechados pela Polícia Federal na noite de sexta-feira, 13, em Marília, e um em Garça. A ordem foi emitida pelo juiz Alexandre Carneiro Lima, da 3ª Vara Federal de Marília, que acatou o proposto pelo Ministério Público Federal, através de ação civil pública. Os bingos funcionavam através de liminares que foram cassadas mas, além disso, o procurador Jefferson Dias argumentou que as máquinas de apostas podem ter componentes contrabandeados. Por volta das 19h30, numa operação simultânea nas três casas, os clientes foram avisados da presença da polícia e convidados a sair. O dinheiro foi apreendido e as máquinas lacradas para perícia. Os donos têm prazo de dez dias para retirar os luminosos e identificação da fachada dos prédios e se não o fizerem pagarão multa diária de R$ 10 mil. Se ficar comprovado a entrada ilegal dos componentes das máquinas no País, também responderão por contrabando.

Agencia Estado,

14 Abril 2007 | 15h43

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.