Polícia identifica homem que roubou R$ 1 milhão em jóias

Três testemunhas identificaram por foto o suspeito de roubar aproximadamente R$ 1 milhão em jóias de apartamentos de luxo, em Ribeirão Preto. O carioca Rui Clemente da Silva Filho, de 38 anos, foi reconhecido e deve estar escondido na região, segundo a polícia. Silva Filho tem prisão decretada pela Justiça por furtar o ex-governador do Rio, Marcelo Alencar (PSDB), além de ser condenado por furto na residência do ex-senador Antônio Carlos Magalhães (PFL), em Salvador. Ele aparecia em condomínios com corretores alegando ser funcionário de uma empresa telefônica do Rio à procura de um imóvel para alugar. No final de semana, retornava sozinho com a desculpa de que mediria portas e janelas no imóvel e praticava os furtos nos vizinhos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.