Polícia identifica preso que comandou fuga em Maceió

O assaltante Marcos Antônio Alves de Lima, o Marcos Capeta, 29 anos, foi quem comandou a fuga em massa, na noite de segunda-feira, 8, no presídio Baldomero Cavalcanti, no bairro do Tabuleiro do Martins, em Maceió. A informação foi confirmada pelo tenente-coronel Luiz do Nascimento Bulgarin, da Polícia Militar.Além de Marcos Capeta, outros 22 reeducandos fugiram usando um túnel. Entre eles estão os comparsas do assaltante, que teve um plano de fuga em massa abortado pela Polícia Civil no início de março do ano passado, na delegacia regional de Arapiraca, onde esteve preso, antes de ser transferido para o Baldomero.Marcos Capeta foi preso no dia 20 de fevereiro de 2006, no município de Girau do Ponciano, próximo da cidade de Arapiraca, com outros quatro comparsas acusados de seqüestrar o vereador do município de Boca da Mata, José da Costa Freire, o Zé da Vandete. O assaltante também é acusado de praticar crimes de pistolagem.Na manhã desta terça-feira, 9, várias equipes do Batalhão de Operações Especiais (Bope), do Grupamento de Apoio Penitenciário (Gap), Rádio Patrulha e do 5° Batalhão da Polícia Militar retomaram as diligências, iniciadas na noite de segunda, nas áreas ao redor do sistema prisional.Até o final da manhã desta terça, nenhum foragido tinha sido capturado. Segundo o comandante da Polícia Militar de Alagoas, coronel Rubens Goulart, os policiais vãos reforçar a segurança do Baldomero até que o clima no presídio seja normalizado. O trabalho de perícia no túnel, cavado dentro da cela 12 do módulo 4, foi iniciado na manhã desta terça.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.