Polícia investiga incêndio em prédio da antiga Febem

A polícia vai investigar as causas de um incêndio ocorrido na noite de sexta-feira, 23, no prédio da Fundação Casa, antiga Fundação Estadual do Bem-estar do Menor (Febem), na Rua Florêncio de Abreu, região central da cidade. No local estavam guardados processos contra funcionários que seriam reabertos pela instituição. A presidente da Fundação Casa, Berenice Giannella, informou que uma sindicância interna deverá também apurar se o incêndio foi criminoso ou não. Serão identificados os funcionários que estavam no prédio na hora em que o fogo começou, depois do expediente. Os livros de portaria foram recolhidos. Segundo reportagem do jornal SPTV, da TV Globo,Berenice afirmou que apenas ela e o Corregedor da instituição sabiam sobre a intenção de reabrir investigações de processos já arquivados. "Talvez a própria movimentação tenha chamado a atenção de alguém", disse ela. O fogo começou por volta das 21h30 e foi controlado em cerca de 20 minutos por cinco equipes dos bombeiros. As causas do incêndio ainda são desconhecidas, mas participação criminosa não está descartada.

Agencia Estado,

26 de fevereiro de 2007 | 14h04

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.