Polícia liberta adolescente seqüestrada em Mairoporã

Uma operação da Polícia Militar libertou a adolescente Viviane Silva, de 15 anos, que estava sendo mantida refém por um bando desde a noite de ontem, em Mairiporã, na Grande São Paulo. Ela e o namorado, Eduardo Ferreira Dias, de 21 anos, caminhavam numa feirinha de artesanato, no centro da cidade, quando foram convidados pelo adolescente G.H.O.P. para participar de uma festa.Chegando à casa onde aconteceria a suposta festa, os dois foram rendidos pelo menor, três jovens e uma garota. Dias foi agredido com correntes e pedaços de madeira. Em troca da liberdade das vítimas, a quadrilha exigiu o pagamento de R$ 500,00. De acordo com o tenente Flávio Fabri, às 6 horas o bando libertou o rapaz para que providenciasse o dinheiro, que serviriam como resgate da adolescente. Dias procurou a PM, que montou uma operação com quatro equipes para invadir o cativeiro. Às 12 horas, os policiais invadiram a casa e libertaram Viviane.No local, a polícia apreendeu diversos relógios, telefones celulares, uma porção de maconha e cocaína. A quadrilha foi presa em flagrante e encaminhada à Delegacia Seccional de Franco da Rocha onde a ocorrência foi registrada. Foram preso em flagrante Marcelo Souza da Cunha, de 28 anos, Marcelo Roberto Nunes, de 22, e Tiago Salvador Gomes de 19. Os PMs detiveram ainda a jovem V.S.S., de 15 anos, e o adolescente G.H.O.P, de 13 anos. Cerca de outros dez supostos integrantes do bando teriam conseguido escapar.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.