Polícia liberta refém e prende quatro acusados em Campinas

Três rapazes e um adolescente foram presos na quarta-feira, 5, acusados de seqüestrar uma estudante de 19 anos em Campinas. Ela passou 27 dias em um cativeiro na Rua Rocha Novaes, no Jardim Elvira. Segundo a polícia, os pais dela já haviam pago o resgate aos criminosos, mas eles não libertaram a refém. Dois deles foram presos em uma casa em Sumaré, no Interior. No imóvel havia 19 kg de maconha e dois de crack. Os outros dois acusados estavam no cativeiro com a estudante. Eles a agrediram com uma marretada e, de acordo com o site da EPTV, ela desmaiou após a chegada da polícia e foi levada para o hospital, mas está fora de perigo.A estudante foi seqüestrada quando ia para a faculdade, no início da manhã de 8 de junho. O carro dela foi abandonado próximo a sua casa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.