Polícia pode invadir Bangu 1; rebelião já dura oito horas

A polícia pode invadir o presídio de segurança máxima Bangu 1 a qualquer momento, para tentar controlar a rebelião no local, que já dura oito horas e que já fez pelo menos seus mortos, entre eles os traficantes Uê e Celsinho da Vila Vintém. As negociações entre os presos e autoridades policiais continuam, mas duas exigências feitas pelos presos foram consideradas inaceitáveis pelo comando policial: a de reduzir o rigor nas revistas das visitas e não permitir a transferência de nenhum preso para outro presídio fora do Rio de Janeiro.Entre os policiais, circulou a informação que Luiz Fernando da Costa, o Fernandinho Beira-Mar, não estaria liderando a rebelião, como se afirmou inicialmente. Os responsáveis seriam outros bandidos: Gigante e Might Thor.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.