Polícia prende acusado de estuprar menina de 3 anos

A polícia de São Paulo anunciou nesta terça-feira, 27, Bernardo Cataldo Neto, de 43 anos, por atentado violento ao pudor contra uma menina de 3 anos, ocorrido no último dia 9 de janeiro. Segundo a polícia, Bernardo parou com um Palio em frente a um barraco da favela Heliópolis, na zona sul da cidade, onde a menina brincava sozinha. Neto pegou e menina e desapareceu. Quatro horas depois, ela foi devolvida perto de onde tinha sido "raptada". Exames no Instituto Médico Legal comprovaram que ela foi abusada sexualmente. Ele passou a ser procurado e foi preso dia 2 de fevereiro. Com ele, estava a camiseta laranja que usada no dia em que pegou a menina. Ele foi reconhecido por testemunhas e sua prisão preventiva saiu na segunda-feira, 26. Neto já tinha cumprido pena por estuprar uma menina de 14 anos. Ele foi condenado a quinze anos mas, graças aos benefícios judiciais, saiu em depois de cumprir sete anos de prisão, em setembro de 2004.

Agencia Estado,

27 Fevereiro 2007 | 14h49

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.