Polícia prende acusado de matar jovens da Providência

Segundo a polícia, Chaperó, do Morro da Mineira, foi preso com o irmão em Itaguaí

da Redação, estadao.com.br

18 de julho de 2008 | 12h29

Policiais da 6ª Delegacia de Polícia prenderam no início da manhã desta sexta-feira, 18, o suposto traficante Édson de Oliveira Paiva, de 22 anos, conhecido como Chaperó, sob a acusação de ter participado do assassinato de três jovens do Morro da Providência, no centro. Segundo a polícia, Chaperó, do Morro da Mineira, foi preso com o irmão Alexandre de Oliveira Paiva, na casa dos pais deles, em Itaguaí.   O titular da 6.ª DP, Rodolfo Waldeck, informou que Chaperó confessou apenas ter recebido os três jovens de militares do Exército e de tê-los entregue a traficantes da Mineira. Ele negou ter participado da tortura e assassinato deles. Chaperó afirmou que os traficantes não fizeram pagamento pelos três moradores da Providência, controlada por uma facção rival, e que a entrega seria "apenas um presente" dos militares.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.