Polícia prende acusados de balear delegado

A Polícia Civil prendeu na tarde deste sábado, em São Paulo, dois rapazes acusados de balear, no dia 26 de dezembro, o delegado Adolpho Tiossi Bernardi Júnior, titular da 6ª Seccional de Santo Amaro, numa tentativa de assalto. Os presos estão no Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) e a polícia está tentando localizar outros três integrantes da quadrilha.O delegado foi baleado na cabeça e continua internado no hospital Evaldo Foz. Adolfo Tiossi Bernardes Júnior, de 44 anos, foi baleado na cabeça, durante tentativa de assalto na esquina da avenida Ibirapuera com a rua Cotia, em Moema, na zona sul.Ao perceber a aproximação de dois homens, o delegado tentou dar a marcha à ré na picape Mitsubishi, quando um dos deles atirou. Os dois assaltantes fugiram a pé sem deixar pistas. O delegado havia deixado o prédio da Seccional, no bairro do Socorro, pouco antes da meia-noite. De lá, seguia de picape para o bairro do Ibirapuera, onde mora.

Agencia Estado,

26 de janeiro de 2002 | 20h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.