Polícia prende grupo que expulsava moradores em Porto Alegre

A polícia gaúcha prendeu no final da tarde desta terça-feira três adolescentes acusados de pertencer à quadrilha de traficantes que expulsou oito moradores da Vila Castelo de suas casas nos últimos três meses. A delegada Vivian do Nascimento disse que recebeu uma denúncia anônima e encontrou os jovens dentro de uma residência que havia sido abandonada no final de semana. Eles serão acusados de furto, invasão e ameaças com armas de fogo.Ameaçados por traficantes que queriam suas casas para pontos de venda de droga ou postos de observação, os moradores fugiam e também evitavam registrar ocorrência na polícia por medo de represálias. Sem se identificar, as vítimas contaram que os invasores entravam em suas casas à noite, faziam ameaças e davam prazo para a desocupação. Uma faxineira, mãe de seis filhos, disse que foi obrigada a ir viver com amigos.A polícia, que só tomou conhecimento do caso na segunda-feira, quando o jornal Diário Gaúcho preparava a publicação dos depoimentos dados à sua reportagem, seguirá na investigação do caso para localizar outros envolvidos. A Brigada Militar decidiu cadastrar os proprietários de imóveis na Vila Castelo para evitar novas expulsões.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.