Polícia prende quatro supostos integrantes do PCC

A polícia prendeu na noite de quarta-feira, por volta das 20 horas, quatro supostos de serem integrantes da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), na zona leste de São Paulo. A prisão aconteceu quando um grupo de 11 homens foi abordado por duas equipes da PM, na Vila Formosa. Os suspeitos estavam a pé e saíram correndo, mas quatro deles foram presos. Os acusados têm idades entre 20 e 25 anos. Rodrigo Andrade Custódio, de 22 anos, e Leandro Lopes Badolato, de 21, assumiram serem integrantes da facção criminosa, responsabilizada pelos atentados de maio e dos últimos dias. A polícia acredita que os outros dois também sejam.Badolato foi reconhecido por um dos investigadores do 58ºDP como sendo um dos assassinos do carcereiro Elias Pereira Dantas, morto em 13 de maio deste ano, em Santo André, durante os atentados. Com os quatro, a PM encontrou um revólver calibre 38 e dois coletes à prova de balas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.