Polícia prende suspeitos de falsificar bilhetes da CPTM

Policiais militares e seguranças da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) prenderam ontem à noite sete homens suspeitos de terem falsificado bilhetes magnéticos da empresa. A prisão ocorreu em frente da estação Lapa, na zona oeste, por onde passam os trens da Linha B (Julio Preste-Itapevi).Foram apreendidos 199 bilhetes, sendo que 68 estavam com fitas magnéticas. Uma perícia será feita para avaliar se os bilhetes já haviam sido clonados. Dos sete homens suspeitos, dois eram procurados pela Justiça. O grupo foi levado para o 7º Distrito Policial.DrogasDuas pessoas foram presas na Estação Vila Clarice da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), na linha Brás-Francisco Morato, por porte de maconha. As prisões são resultado de uma operação feita por agentes de segurança da empresa, que abordaram 160 usuários entre 17h e 20h15 de ontem.As duas pessoas foram encaminhadas para o 33º Distrito Policial de Pirituba. Segundo a CPTM, o objetivo é reprimir o uso e o porte de entorpecentes, apreender armas e inibir ação de criminosos dentro dos trens.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.