Polícia prende três suspeitos de matar cabo da PM no Rio

Eleonardo da Silva Felix foi o 119º policial morto no Estado

O Estado de S.Paulo

16 Novembro 2017 | 01h55

SÃO PAULO - A Polícia Militar do Rio de Janeiro prendeu, nesta quarta-feira, 14, dois suspeitos de matar o cabo da PM Eleonardo da Silva Felix, morto no último domingo, 12, em Barra Mansa, no sul fluminense. Ele é o 119º policial morto no Estado neste ano.

+++ Com 61.619 assassinatos em 2016, Brasil tem ano mais violento da história

O primeiro homem foi encontrado no bairro Açude depois de denúncias anônimas. O segundo foi preso em Volta Redonda após policiais militares realizarem um cerco com base em informações do setor de inteligência do batalhão. Na manhã desta quarta-feira, 15, um terceiro suspeito foi preso na casa da avó, onde estava escondido, também em Volta Redonda. Ele foi encaminhado para a 90ª Delegacia de Polícia, onde todas as ocorrências foram registradas.

Eleonardo da Silva Felix foi morto ao reagir a uma tentativa de roubo em um posto de gasolina no bairro de Vila Delgado. A PM oferece recompensa de R$ 5 mil por informações que levem à prisão de pessoas que mataram policiais militares do Estado.

Até o fim do ano, o Rio deve registrar mais de 5 mil tiroteios. Até 31 de outubro, foram 4.410 confrontos armados, segundo o aplicativo Onde Tem Tiroteio (OTT), que registra em tempo real a ocorrência de confrontos armados, arrastões e assaltos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.