Tasso Marcelo/AE
Tasso Marcelo/AE

Polícia prende um dos homens que invadiram escola no Rio de Janeiro

Traficantes pularam muro do colégio para se esconder; prédio foi esvaziado para buscas e as aulas acabaram suspensas

João Paulo Carvalho - estadão.com.br,

04 Novembro 2011 | 11h56

SÃO PAULO - Policiais Militares cercaram no começo da manhã desta sexta-feira, 4, o colégio estadual Daltro Santos, no acesso à Vila Aliança, em Bangu, na zona oeste do Rio, e prenderam um bandido que invadiu a escola. O colégio foi esvaziado para as buscas. Segundo a policia, um fuzil M-16 foi apreendido.

De acordo com a PM, os bandidos pularam o muro da escola para fugir de uma ação policial contra o tráfico de drogas.

Em nota, a Secretaria de Estado de Educação afirmou que durante a incursão policial não houve danos ao patrimônio ou furto de equipamentos. Como medida preventiva, as aulas foram temporariamente suspensas nos colégios estaduais Bangu e Collechio.

A secretaria disse também que "já entrou em contato com a Secretaria de Segurança Pública para que sejam adotadas todas as medidas possíveis para garantir a integridade física e moral de alunos, professores e funcionários.

Desde cedo, os policiais militares fazem uma operação nas favelas da Vila Aliança, em Bangu, e Coreia e Rebu, em Senador Camará.

Manguinhos. Dois homens suspeitos de envolvimento com tráfico de drogas foram mortos na manhã desta sexta-feira, 4, no Rio de Janeiro, durante uma operação da Polícia Militar nas favelas de Manguinhos e Mandela 1 e 2, no subúrbio da cidade. O Batalhão de Operações Especiais (Bope) também participou da ação.

Segundo informações da PM, dois supostos traficantes foram baleados em uma troca de tiros com os policiais do Bope por volta das 6 horas. Uma metralhadora e uma pistola que estavam com eles foram apreendidas. Os homens foram levados para o Hospital Federal de Bonsucesso, mas não resistiram aos ferimentos e acabaram morrendo.

A PM acredita que um dos suspeitos seja soldado do Exército, mas a informação ainda não foi confirmada.

Notícia atualizada às 14 horas para acréscimo de informações

 

Mais conteúdo sobre:
traficante escola rio de janeiro invasão

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.