Polícia procura corpo de Eliza em casa em Belo Horizonte

A polícia chegou até o local após receber informações de um jovem de 17 anos, primo de Bruno

Priscila Trindade, da Central de Notícias,

07 de julho de 2010 | 13h49

A Polícia Civil busca na tarde desta quarta-feira, 7, o corpo de Eliza Samudio, de 25 anos, ex-amante do goleiro Bruno, em uma casa no bairro Santa Clara, no município de Vespasiano, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. A jovem está desaparecida desde o início de junho.

 

Veja também:  

linkSegundo menor, Eliza morreu por estrangulamento

link Justiça decreta prisão de Bruno; polícia tenta prender o goleiro no Rio

link Adolescente diz que Eliza Samudio está morta

 

A polícia chegou até o local após receber informações de um jovem de 17 anos, primo de Bruno, que foi detido na terça-feira, 6, na casa do atleta no Recreio dos Bandeirantes, no Rio. O garoto confessou ter envolvimento com o sumiço de Eliza na noite do dia 4 de junho, na saída de um hotel na Barra da Tijuca.

 

Eliza manteve um relacionamento extraconjugal com o goleiro. Atualmente, ela tentava provar na Justiça que Bruno é pai de seu filho de quatro meses.

 

Como Bruno é suspeito de envolvimento no desaparecimento dela, hoje cedo a Justiça do Rio decretou a prisão temporária do goleiro. Até ás 13 horas, o atleta não havia sido localizado pela polícia.

 

A Justiça de Minas Gerais informou que já foram presas cinco pessoas suspeitas de terem envolvimento no desaparecimento de Eliza, mas a polícia confirma apenas a prisão do primo de Bruno e da mulher dele, Dayane Rodrigues do Carmo Souza.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.