AO VIVO

Acompanhe notícias do coronavírus em tempo real

Polícia procura mãe que teria jogado gêmeas na lixeira

A Polícia Civil de Governador Valadares, na região leste de Minas Gerais, abriu inquérito e estava à procura da mulher que supostamente jogou as duas filhas gêmeas recém-nascidas em uma lixeira pública da cidade, provocando a morte de uma delas.A suspeita do delegado Marco Aurélio Síria é de que a própria mãe tenha cometido o crime e acionado o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), por volta das 21h de quinta, depois de abandonar os bebês, dentro de uma sacola plástica, na rua Monte Carmelo, bairro Santa Helena, periferia do município. "Mas a intenção dela era realmente que as crianças morressem", afirmou.Os paramédicos disseram que quando chegaram no local uma das gêmeas já estava morta. As causas do óbito foram insuficiência respiratória e choque térmico. A outra criança apresentava "sinais vitais precários". Ela foi levada para o Hospital Municipal, onde permanecia internada em estado grave na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) Neonatal. A menina respirava com a ajuda de aparelhos, apresentava um quadro de hipoglicemia e choque térmico.De acordo com Síria, uma suspeita já havia sido identificada e os policiais da Delegacia de Crimes contra a Pessoa tentavam localizá-la na noite de ontem. De acordo com o Boletim de Ocorrência da Polícia Militar, a mulher deu à luz gêmeas na noite de quinta mesmo. Ela deverá responder pelos crimes de infanticídio e abandono de incapaz.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.