Polícia registra um assassinato por hora na Grande SP

Na noite de ontem e madrugada desta terça-feira foi registrado em média um homicídio a cada hora na Grande São Paulo. Foram pelo menos seis assassinatos e uma tentativa das 20h30 às 2h30, segundo a polícia. Os crimes ocorreram em bairros como Itaim Paulista e Heliópolis (zona leste), Parque Santo Antônio e Jardim São Francisco (zona sul), Casa Verde (zona norte) e outro em Barueri, região oeste da Grande São Paulo.Jovem é encontrada morta na rua. SeminuaPor volta das 20h30 desta segunda-feira, uma jovem aparentando 18 anos, ainda não identificada, foi encontrada morta, possivelmente por asfixia, com uma flanela na boca, na Rua Francisco Lang, ao lado do Iate Clube do Jardim São Francisco, região de Santo Amaro, zona sul da capital. Seminua, ela vestia apenas uma camiseta. A equipe H-leste do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga a morte, que foi registrada no 100º Distrito Policial, do Jardim Herculano.Casal baleado no Parque Santo Antônio: a moça morreuÀs 2h30 desta madrugada, na esquina entre a Rua Derbal e a avenida Fim de Semana, no Parque Santo Antonio, também zona sul, foram encontrados baleados Luciene Mota Rocha e Usilândio de Souza Aristides, ambos de 25 anos. O casal foi levado ao Pronto-Socorro Municipal no Campo Limpo, onde a moça morreu. O rapaz está internado em estado grave. O crime de assassinato e tentativa foi registrado no 92º Distrito Policial pelo delegado Paulo César da Costa.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.