Polícia reprime protesto contra Alca em SP

O protesto de entidades anarquistas e estudantis contra a criação da Área de Livre Comércio das Américas (Alca) se transformou em confronto entre manifestantes e a policia, em São Paulo. A avenida Paulista,no sentido Consolação, está bloqueada pelos manifestantes, que atiram pedras, pedaços de pau e latões, enquanto a polícia responde com bombas de gás lacrimogêneo.O estudante Wilson Moreira Júnior foi agredido com um cacetete pela polícia e foi socorrido pelos colegas. Os organizadores do protesto calculam que duas mil pessoas estejam concentradas no local, mas a estimativa da Polícia Militar é de que o número não chegue a 300.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.