Polícia transfere presos do Cadeião de Pinheiros em SP

A Polícia paulista iniciou a transferência dos presos do Cadeião de Pinheiros, parcialmente destruído na manhã de ontem. A destruição foi provocada por uma rebelião iniciada após o resgate de três presos por cinco homens usando coletes da Polícia Civil. Os detentos estão sendo transportados em ônibus para vários presídios do Estado. Para a saída dos veículos, o trânsito na pista local da Marginal de Pinheiros foi interrompido, provocando congestionamento. A rebelião aconteceu na cadeia 2, na qual estavam 1.040 presos. A capacidade, porém, é para 525. Para conter os rebelados, que chegaram a atear fogo em colchões, foi preciso a intervenção da Tropa de Choque da Polícia Militar quedeixou a cadeia após a contagem dos presos. Os homens disfarçados de policiais chegaram no final da madrugada e resgataram os presos depois de renderem os carcereiros.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.